aforismos e afins

10 novembro 2005

Promessas...

Ocorreu uma violação inesperada do «cessar-fogo» acordado.
Não tive alternativa senão activar prontamente o meu sistema subterrâneo de defesa, e contra-atacar (vejam os comentários).

5 Comments:

  • sou um fraco, um pecador irrecuperavel...perdoas-me?

    By Blogger Joao Galamba, at 8:00 da tarde  

  • (risos)

    By Blogger jmnk, at 8:37 da tarde  

  • ainda bem

    viva a guerra!

    By Blogger timshel, at 9:25 da tarde  

  • Também quero participar neste debate!

    "A ciencia nao e moralmente neutra." Paciência, mas não concordo. No DNA do processo cientifico, está descrito o conceito de independência. Não podemos alterar este conceito de base nem assumi-lo. Concerteza que encontramos vezes sem conta uma tendência para consirderar que os resultados da Ciência são passiveis de uma interpretação moral. Mas não são. Nem podem ser. Podem ser viciados os resultados, "ou vendidos" de um certo modo mas nunca de um ponto de vista moral. Dizia há dias aliás em resposta a um post do Tiago sobre o aborto, que há perguntas (com forte pendor moral) que pura e simplesmente ultrapassam o campo de acção da Ciência.

    Filipe

    PS- bela discussão

    By Anonymous Filipe Castro, at 9:49 da tarde  

  • Filipe: venham de lá esses escritos e comentários! COmo deves adivinhar, comentários com mais de 1.000 palavras são perfeitamente acietáveis e digeríveis aqui pelo auditório :)

    Repara que o caso do aborto é diferente... tratam-se de escolhas éticas e a ciència só pode ser chamada para ajudar a dar a determinados conceitos que EVENTUALMENTE se venham a propor como definião relevante (evito propositadamente o "definição de vida") para o caso.

    Aqui a malta discute mesmo é epistemologia pura e dura! Qual o limite e as formas aceitáveis de "conhecimento"? Eu percebo o teu ponto do DNA mas não sou tao faccioso... tens que ler as excelentes descrições do Galamba sobre ontologia, natureza diferente, being-in-the-world, e isso tudo. Eu nisso concordo com ele. Há "algo mais" para além da ciência que tem de ser tido em conta. Eu sõ abomino é o extremismo dele de descartar as POSSIBILIDADES e as CONTRUIBIÇOES da ciencia. Mas depois falo mais!

    jmnk: (...)

    João: desta perdoo-te... mas só desta!

    Timshel: cuidado que esses apelos belicistas nãõ me soam nada cristãos!!! :) :)

    Abraço a todos e continuem a largar por aqui muitas "bombas" que há muito terreno ainda pra desbravar :)

    By Blogger Tiago Mendes, at 10:17 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home