aforismos e afins

28 junho 2005

Parceir@s perfeit@s

Descobri aqui que para ser um gajo perfeito tenho que:
1. Deixar de usar meias na cama;
2. Passar a ir à bola de vez em quando;
3. Comprar uns óculos com visão 360º para não ter que virar a cara quando passa uma Loura toda gira (ou apenas parcialmente, já que sou tolerante e catolicamente compreensivo para com a próxima).

A primeira ainda consigo mudar. Mas a segunda nem por nada. Só fui uma vez a um estádio, ver o Portugal-Estónia, para perder a «virgindade-de-bola» e porque não se pagava (fiz uma revolução quando descobri que afinal eram 100 escudos para entrar). A terceira é trabalhar nela e depois fazer uma patente. Meninas! Também podem ver aqui o que é que alguns homens procuram em «vocêzes».

9 Comments:

  • Acho algo desapropriado ensanduichar assuntos sérios como a entevista do Cunhal com esta história tipo revista Maria, caro T.M. Não concordas?

    By Blogger K., at 12:32 da manhã  

  • De facto... acho que tens razão, caro K., mas não consegui resistir a publicar. Talvez mais tarde faça um reajustamento das datas de publicação. É isso, boa.

    By Blogger T. M., at 12:33 da manhã  

  • Meus caros, não pensem tanto, descansem as cabecinhas!! Vão dormir, vá. Depois o que será reajustado ou não logo se verá. O K. tem um bom ponto mas a gente não lhe pode fazer sempre a vontade, ó T.M. sabes bem disso! Abraços aos dois. Bonne nuit.

    By Blogger Tiago Mendes, at 12:34 da manhã  

  • Pois eu não acho mal nenhum. Vivemos numa democracia e cada um escreve o que lhe apetece quando lhe apetece... respeitando od outros. Como não vejo qui nenhuma falta de respeito... não vejo qual é o problema...

    By Blogger Patricia, at 1:09 da manhã  

  • Para mim, o meu gajo perfeito só tem de me fazer rir... o resto vem por acrescimo, mas tudo comeca ai...

    By Blogger Patricia, at 1:10 da manhã  

  • Olha! Não estamos mal... :)

    By Blogger Ritinha, at 1:11 da manhã  

  • Cara Espelho, aqui é tudo da casa, no worries. Percebo o ponto do K. e não há problemas "de fundo". São meras questões "editoriais" e de ordenamento dos posts. De qualquer forma fui eu que investi mais de uma hora a copiar a entrevista dum papel qualquer que imprimi e não ele! Isto são só picardias de amigos :)

    COncordo em absoluto contigo: o rir e fazer rir são fundamentais. E tão raros!

    By Blogger T. M., at 1:15 da manhã  

  • mto raro, mas não creio que baste: há que perturbar.

    vejam bem, perturbar não é o mesmo que incomodar: a diferença é sutil, mas primordial... resta saber quais são os homens q percebem tal sutileza...

    juntando-se os dois... uia! :-) 80% do caminho andado, pq há também o constante cuidar, penso eu...

    By Blogger Daniela, at 6:43 da tarde  

  • isso tudo, meu bem... eu acho que sei o que e' perturbar, mas claro que ainda assim esses dois nao sao "suficientes" mas apenas "necessarios"...

    no entanto, acho que nem toda a mulher procura alguem que a "perturbe", embora eu ache mais interessantes mulheres que gostem disso, e ja' agora, que tambem perturbem. nada tao chato como monotonia e nao aprender nada com o outro, ne? e aprendizagem da "boa" sempre bem com algum impeto, algum instinto fracturante, perturbador... :)

    By Blogger T. M., at 6:49 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home