aforismos e afins

27 fevereiro 2006

Scary Scarlett? Não, obrigado.

Lamento discordar de liberais que estimo à direita e à esquerda, mas a única foto que aparece na Vanity Fair é a reproduzida aqui e não vale nada. A menina assassinada no último Woody Allen tem, se não me engana o olho treinado (e é provável que não engane), 7 a 8 quilos a mais. E aqueles lábios não servem para beijar na boca, tenham lá paciência. Para mulheres inalcansáveis, darão por mais bem empregue o dinheiro na última Esquire, que traz uma Sharon Stone bem apetecível e em variadas (e bem mais sensuais) fotografias. De resto, nunca percebi bem (ou melhor, percebi mas não aprecio) o encantamento fácil e hiperbolização que se gera à volta dum qualquer actor de cinema, cantor, jogador de bola, estrela de novela, etc. Imagino que deva ser um fenómeno de reconhecimento grupal perante os outros e do sonho inefável do estatuto que estaria a um passo de alcançar - uma projecção / realização através do ídolo - tudo bem, tudo muito "humano". Com a previsível necessidade de afirmação da personalidade e da eterna questão da masculinidade / feminilidade que quase sempre necessita do outro para se e alimentar, quando não justificar. [Não compro isso.] Prefiro a "vulgar" e "secreta" beleza que se encontra ao virar duma qualquer esquina do que à deriva sonhadora das "estrelas" que pululam (poluem?) o nosso imaginário. [Remember it's a world out there, baby...] E quanto à menina voluptuosa do (adorável) "Lost in translation": sim, às vezes é gira, tem alguma graça - mas globalmente é banal, mediana, quase pimba. Scary Scarlett? Não, obrigado. Passo...

13 Comments:

  • Quem prefere a Sharon Stone não teme as mulheres e, mais importante ainda, não condena as mulheres inteligentes à faixa das parafilias. Raros dons. Seria serviço público tentar promover o seu florescimento pelas hostes... (que a malta já vem ficando farta de ter de alternar entre os looks e os brains para não espantar a caça...)

    By Blogger Susana Bês, at 11:31 da manhã  

  • The non scary Miss Scarllet:

    “De resto, nunca percebi bem (ou melhor, percebi mas não aprecio) o encantamento fácil e hiperbolização que se gera à volta dum qualquer actor de cinema, cantor, jogador de bola, estrela de novela, etc”

    De facto tambem nunca percebi muito bem estas adoracoes... Cada vez que vejo comentarios deste genero (http://aforismos-e-afins.blogspot.com/2005_11_01_aforismos-e-afins_archive.html Uma questão de olhar; Água na fervura) remeto-me a minha condicao feminina e a assimetrica apreciacao da beleza numa dimensao sexual. Alem disso, ha ja muito que tenho esta ideia peregrina que a quantificacao e qualificacao de beleza nao e mais que outro processo de aprendizagem. Meu querido T., deve ter-me escapado algo, mas pergunto-me: incoerencia nas tuas palavras, distracao ou mais um delicioso caso de microevolucao?! I hope for the last and your words don’t seem to let me down!

    Quanto a Miss Scarllet e os seus kilitos...
    Nao se lhe vem os ossos, um facto!
    Inalcansavel, aqui vai mais um facto!
    Fico no entanto com a duvida (sem qualquer ironia) se a beleza non scary da Scarllet nao e o que a faz mais apetecivel. Os seus labio carnudos e as suas formas voluptuosas, a tocar a beleza renascentista, sao uma “cara” a certos tipos de contos eroticos que envolvem elegantes fantasias . Que bem que ela ficava, por exemplo, In praise of the Stepmother” de Vargas Llosa”.
    ASM

    By Blogger gaja2, at 12:24 da tarde  

  • Concordo com o post. Mas para ser justo não posso deixar de lembrar a belíssima voz de Miss Johansson. Acho que a voz, com look "bonitinha e ordinária" é wque torna o todo superior à soma das partes.

    By Anonymous Malv, at 12:33 da tarde  

  • Também não entendi muito bem o exagero de um texto que li no Notícias Magazine há umas 3/4 semanas sobre as novas actrizes emergentes que têm embasbacado o "machedo" por aí... A Scarlett Johansson é bonita, tudo bem, mas nada de especial; a Eva Longoria é outra... Tal como T.M., nunca vivi um "encantamento fácil e hiperbolização [...] à volta dum qualquer actor de cinema, cantor, jogador de bola, estrela de novela, etc." (todos no feminino, entenda-se...).

    p.s.: a segunda foto é mesmo muito má!

    cumprimentos (e obrigado pelo comentário)

    By Blogger Rui Rocha, at 2:19 da tarde  

  • concordo com a parte da sharon, mas a sj tem 21 anos. quando chegar aos 30, 35 (e dai' em diante), medo, muito medo.

    By Blogger pedro figueiredo, at 3:18 da tarde  

  • O eterno problema da escolha entre a beleza e a sexualidade.
    A menina Johansson é uma bomba sexual em forma de lolita, o que atiça os instintos de qualquer rapaz com as hormonas aos saltos.
    Mas a beleza - essa - está para além do imaginário ligeiramente pimba que Scarlet veicula nos seus filmes.
    Contento-me, pois, com a constatação de que há mercado para tudo e que, assim como a Scarlet tem o seu, haverá procura suficiente para a espiritualidade das verdadeiras musas.

    Ps: antes que alguém condene um suposto machismo no meu comentário garanto que dou plena liberdade às mulheres para verbalmente tratarem os homens como bem quiserem.:)

    By Anonymous José Barros, at 6:28 da tarde  

  • Pois, obrigadinha, é bom saber que ainda vai havendo quem não se ache menos macho por dizer : "não gosto daquela" . Concordo com o comentário da Susana, mas acrescentaria que infelizmente essa pressão social de aderir a imagens "poluentes" tanto afecta homens como mulheres (talvez mais a elas do que a eles, não sei). E isto vale infelizmente para o "ser como elas/eles" tanto como para o "ter alguém como elas/eles" . Horrível, porque assim vai sendo difícil as pessoas entenderem-se umas com as outras.

    By Blogger Ginja, at 8:12 da tarde  

  • queria so' acrescentar um link, para me chamarem desmancha prazeres: fluid effect. escolham "portfolio" e depois "before/after".

    By Blogger pedro figueiredo, at 12:30 da manhã  

  • SUSANA BES:

    "Quem prefere a Sharon Stone não teme as mulheres e, mais importante ainda, não condena as mulheres inteligentes à faixa das parafilias. Raros dons. Seria serviço público tentar promover o seu florescimento pelas hostes... (que a malta já vem ficando farta de ter de alternar entre os looks e os brains para não espantar a caça...)"

    Não temo, de facto. Acho uma razoável parafilia, no entanto. Isto é, acho "natural" que ela exista, dado que tudo o que é escasso tem valor. De resto, acho que qualquer coisa pode ser uma parafilia - essa seria a melhor definição do sexo. Quanto à alternância entre looks e brains... julgo que entendo a "queixa", e acho que a mulher tem (falo em termos biológicos / evolutivos) ainda muito caminho por percorrer - até se não quiser ficar derradeiramente atrás dos homens. (Gaja2: podes entrar aqui). Quanto à promoção em jeito de serviço público, até a podia fazer, mas depois choviam acusações de arrogância, etc, e não tenho pachorra para isso.

    GAJA2:

    "De facto tambem nunca percebi muito bem estas adoracoes... Cada vez que vejo comentarios deste genero (http://aforismos-e-afins.blogspot.com/2005_11_01_aforismos-e-afins_archive.html Uma questão de olhar; Água na fervura) remeto-me a minha condicao feminina e a assimetrica apreciacao da beleza numa dimensao sexual."

    Ainda bem. Remetes-te bem.

    "Alem disso, ha ja muito que tenho esta ideia peregrina que a quantificacao e qualificacao de beleza nao e mais que outro processo de aprendizagem."

    Isso tem o seu que de verdade, mas tambem nao diz nada.

    "Meu querido T., deve ter-me escapado algo, mas pergunto-me: incoerencia nas tuas palavras, distracao ou mais um delicioso caso de microevolucao?! I hope for the last and your words don’t seem to let me down!"

    Não percebi onde haveria contradição, honestly...

    "Quanto a Miss Scarllet e os seus kilitos... Nao se lhe vem os ossos, um facto! Inalcansavel, aqui vai mais um facto! Fico no entanto com a duvida (sem qualquer ironia) se a beleza non scary da Scarllet nao e o que a faz mais apetecivel."

    GOstos são gostos. Ela para mim de "scary" (no "bom sentido", isto é, no sentido erótico da coisa) naõ tem nada. Por isso é que me assusta: por ser tão pouco sensual, tão pouco agressiva, tão pouco sugestiva. É scary por não ser scary, ok?

    "Os seus labio carnudos e as suas formas voluptuosas, a tocar a beleza renascentista, sao uma “cara” a certos tipos de contos eroticos que envolvem elegantes fantasias . Que bem que ela ficava, por exemplo, In praise of the Stepmother” de Vargas Llosa”."

    É. It's not my type, though. Da Antiguidade e afins, quase só se aproveita - em termos de estética corporal - as estátuas dos atletas.

    MALV:

    "Concordo com o post. Mas para ser justo não posso deixar de lembrar a belíssima voz de Miss Johansson. Acho que a voz, com look "bonitinha e ordinária" é wque torna o todo superior à soma das partes."

    "Ordinária" está muito bem apanhado. Julgo que a voz de facto lhe dá um "élan" curioso.

    RUI ROCHA:

    "Também não entendi muito bem o exagero de um texto que li no Notícias Magazine há umas 3/4 semanas sobre as novas actrizes emergentes que têm embasbacado o "machedo" por aí... A Scarlett Johansson é bonita, tudo bem, mas nada de especial; a Eva Longoria é outra... Tal como T.M., nunca vivi um "encantamento fácil e hiperbolização [...] à volta dum qualquer actor de cinema, cantor, jogador de bola, estrela de novela, etc." (todos no feminino, entenda-se...)."

    Eu falava do feminino e masculino - não vejo necessária separação entre a Beleza. E a idolatria até é maior, julgo que, no sector feminino, com cantores rock, estrelas de futebol, etc.

    PEDRO FIGUEIREDO:

    "Concordo com a parte da sharon, mas a sj tem 21 anos. quando chegar aos 30, 35 (e dai' em diante), medo, muito medo."

    É um bom ponto, de facto. Esqueceste, porém, que quanto mais velha, mais kilos. Não dou muito por ela daqui a uns anos, embora admita que ela ganhe alguma maturidade e expressividade naquela carinha de miúda pãozinho sem sal. (Que estava óptima para o LOst in Translation", repito).

    JOSE BARROS:

    "O eterno problema da escolha entre a beleza e a sexualidade."

    Não há contradição, antes pelo contrário. Mas cada um tem direito ao seu conceito de Belo, naturalmente. Mas achar que há uma escolha a fazer entre a "beleza" e a "sexualidade" parece-me obviamente (proque biologicamente / evolutivamente) errado. A Beleza serve um propósito.

    "A menina Johansson é uma bomba sexual em forma de lolita, o que atiça os instintos de qualquer rapaz com as hormonas aos saltos."

    Falso. Um contra-exemplo basta - here am I. Não a achao uma bomba sexual, apenas a acho mais sexual do que sexy, e bomba apenas no sentido de ter kilos a mais.

    "Mas a beleza - essa - está para além do imaginário ligeiramente pimba que Scarlet veicula nos seus filmes. Contento-me, pois, com a constatação de que há mercado para tudo e que, assim como a Scarlet tem o seu, haverá procura suficiente para a espiritualidade das verdadeiras musas."

    De acordo.

    "Ps: antes que alguém condene um suposto machismo no meu comentário garanto que dou plena liberdade às mulheres para verbalmente tratarem os homens como bem quiserem.:)"

    Hehe, a gente bem se lembra do teu comentário quanto às "mulheres desafio" ;)

    GINJA:

    "Pois, obrigadinha, é bom saber que ainda vai havendo quem não se ache menos macho por dizer : "não gosto daquela" . Concordo com o comentário da Susana, mas acrescentaria que infelizmente essa pressão social de aderir a imagens "poluentes" tanto afecta homens como mulheres (talvez mais a elas do que a eles, não sei). E isto vale infelizmente para o "ser como elas/eles" tanto como para o "ter alguém como elas/eles" . Horrível, porque assim vai sendo difícil as pessoas entenderem-se umas com as outras."

    Agree.

    OBrigado pelos comentários, era só uma brincadeirinha, de qualquer modo, nothing too serious... mas que a Scarlett não vale muito, isso não vale. Abram os olhos quando passeiam pela rua e constatem o óbvio.

    By Blogger Tiago Mendes, at 2:26 da tarde  

  • E quem é que falou na Scarlett? Enfim, toda a gente, mas o mais importante é que também Keira knightley aparece lá. Em segundo plano, mas aparece.

    By Blogger João Pedro, at 2:41 da manhã  

  • A Scarlett parece que é a única fotografada. O mais importante é que Keira Knightley também lá está. Em segundo plano, mas está lá.

    By Blogger João Pedro, at 2:43 da manhã  

  • globalmente banal é vc!

    By Anonymous Anónimo, at 5:34 da manhã  

  • inveja .. isso sim e o q s passa neste post .
    a scarlett é lindissima e tem todos os homens aos pes dela , quanto a sharon ston coitada velha e feia como é de sensual n tem nada . . bem fica pa aí a roer t d inveja da bela scarlett johansson

    By Anonymous Anónimo, at 11:41 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home